O QUE VOCÊ NÃO RESOLVE NA MENTE, o corpo transforma em doença!

somatizacao-nowa

[SAÚDE MENTAL] – por Jana Gomes

Somatizar: transformar conflitos psíquicos em afecções de órgãos ou problemas psicossomáticos.

Estudos mostram que acumular sentimentos ou pensamentos negativos, situações mal resolvidas ou palavras não ditas geram problemas ainda maiores do que somente o famigerado stress.

Pesquisadores têm conseguido demonstrar que o estado mental e emocional de alguém exerce forte influência sob o seu estado de saúde física. Obviamente não se trata somente de influências. Como o próprio título do artigo diz, “o que você não resolve na mente, o corpo transforma em doença”.

Mas, como isso funciona?

Muito simples: você começa a acumular dentro de si tudo aquilo que deveria se livrar. Stress, preocupações, pendências, sentimentos negativos (como a culpa, raiva ou a angústia, por exemplo)… enfim, é importante que você saiba que tudo isso não deveria lhe pertencer.

O resultado desse processo geralmente vem na forma da tão falada “somatização dos sintomas”, que nada mais é do que transferir para o físico aquilo que acontece na mente.

Vamos pensar juntos:

Se o seu corpo está com algum problema, ele precisa lhe “avisar” para que você possa saber que algo de errado está acontecendo com ele, não é mesmo?

Pois é.

E para te avisar, o seu corpo fará uso do seu sistema muscular, do respiratório, do cardiovascular e por aí vai.

Por isso, para evitar problemas futuros, faça uma limpeza interior livrando-se do que pode lhe trazer danos maiores.

Ame-se em primeiro lugar para que seu corpo não somatize as coisas. Caso contrário, você poderá desenvolver novas doenças.

Se você gostou do que leu, deixe um comentário abaixo. Ele é muito importante pra mim! 😉

——————————-

Acompanhe mais postagens do Jana clicando AQUI!

——————————-

NOWA! | Você ainda vai precisar.

http://www.appnowa.com/
https://www.facebook.com/appnowa

6 thoughts on “O QUE VOCÊ NÃO RESOLVE NA MENTE, o corpo transforma em doença!

  • 10 de abril de 2017 em 7:13
    Permalink

    Achei ótima essa matéria, pura verdade, experiência própria, aconteceu comigo à quatro anos, tive um trauma emocional na época não consegui lidar com a situação como deveria, não expôs meus sentimentos,um ano após sofri um infarto fiz cateterismo e angioplastia fiquei uma semana na UTI.na época tinha somente 42 anos de idade hoje tenho acompanhamento com cardiologista e psiquiatra e muitos remédios contínuos, então me arrependo muito hoje de não ter tomado algumas decisões na época ou ter falado alguma coisa, fica à dica…. Bjsss..

  • 22 de setembro de 2016 em 17:11
    Permalink

    ta ai ,gostei muito, só não sei como colocar isto em prática.

  • 18 de agosto de 2016 em 16:49
    Permalink

    Só gostaria de saber como fazer isso, como não somatizar tantas coisas que vemos acontecer com os nossos, com os próximos, e não poder fazer nada, apenas assistir. Um curso talvez?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.